terça-feira, 25 de julho de 2017

Pequenos negócios lideram saldo positivo de empregos em junho

O Rio Grande do Norte chegou ao primeiro semestre deste ano com um saldo de emprego negativo de 4.804 vagas. As microempresas foram as únicas em que a quantidade de contratações foi superior em 2184 postos de trabalho em comparação com as demissões. Nas demais, as demissão superaram as admissões. As maiores perdas foram no setor agropecuário, cujo saldo foi de 2.871 vagas perdidas, enquanto o setor de serviço foi o único no estado a ter saldo positivo em 2.538 vagas.
Nacionalmente, as micro e pequenas empresas foram as responsáveis pelo saldo positivo de geração de empregos registrado no mês de junho. De acordo com levantamento feito mensalmente pelo Sebrae com base em números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho, os pequenos negócios abriram 35,8 mil novos postos de trabalho no país, 14,4% a mais que no mês anterior, enquanto as médias e grandes empresas extinguiram 26,7 mil vagas. A Administração Pública incorporou ao seu quadro de servidores 704 pessoas, o que promoveu um saldo positivo total de 9,8 mil empregos no país.

Nenhum comentário:

Postar um comentário