quinta-feira, 2 de julho de 2015

Petrobras admite nova alta da gasolina em 2015

Em sua primeira entrevista após anunciar uma “dieta” drástica nos investimentos da Petrobras, o presidente da companhia, Aldemir Bendine, 51, não descartou um reajuste no preço da gasolina até o fim do ano. Não enxerga, contudo, necessidade de um aumento agora.
“Não dá para garantir que não haverá”, disse ele à Folha nesta quarta-­feira (1º). O aumento mais recente dos combustíveis foi em novembro de 2014 ­3% na gasolina e 5% no diesel nas refinarias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário