quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Conselho Regional de Medicina flagra estudante exercendo ilegalmente a profissão no interior do RN

O Conselho Regional de Medicina do Rio Grande do Norte – Cremern, através de uma fiscalização de rotina, flagrou na tarde desta quarta-feira (11) uma estudante de medicina da Bahia trabalhando sem o acompanhamento de um médico profissional, no Hospital Maternidade Severina Carlos de Andrade, no município de Frutuoso Gomes, na região Oeste.
A estudante de medicina da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública foi flagrada pela equipe de fiscalização, quando atendia pacientes em uma sala do hospital. Questionada pela equipe, a estudante alegou que vinha dando plantões, sempre acompanhada de um médico, mas que ele havia saído naquele exato momento. O flagrante foi configurado como exercício ilegal da medicina.
De acordo com a equipe o departamento de fiscalização do Cremern, formada pelo 2º vice-presidente e chefe do departamento de fiscalização,  Francisco de Almeida Braga, da 1ª Secretária do Cremern, Maria Cristina Monte de Macedo e o Roberto de Oliveira Lins, da Comissão de Divulgação de Assuntos Médicos – Codame do Conselho, o flagrante só foi possível graças a uma denúncia de que estudantes de medicina vêm atendendo pacientes na região. A estudante fica impedida de trabalhar no município e o Cremern fará a denuncia junto a Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública.

Nenhum comentário:

Postar um comentário